BLOG NOVO: CONTOS DO ICAL

segunda-feira, 15 de abril de 2013

Trabalhando Sinestesia - Dinah Ribeiro de Amorim




Trabalhando Sinestesia
Dinah Ribeiro de Amorim

  Eu, sentada num jardim que encanta  os olhos, admiro a tarde morna que esquenta meu rosto e cobre minha pele com tons rosados, exalando perfume agradável das flores, despertando meus sentidos.

  Enquanto sinto, penso, solto pensamentos que voam, divagam ao sabor do vento, levados junto às folhas que caem suavemente, delicadamente, dos galhos, esbarrando em mim.

  Sentimentos de solidão dolorida, saudade do passado, algum arrependimento tardio, logo afastados, empurrados, jogados para longe, pela realidade presente.
  Realidade bela, amável, tranquila  predominando tranqüilidade e felicidade nos momentos atuais.

  Gosto de ser como sou, do que faço, do que tenho, das oportunidades que surgem a cada dia e me elevam como gente. Se já tive algumas tristezas amargas, quem não as teve? Passaram e rolam pelo caminho contrário como pedras caídas no abismo.

  Agradeço o meu presente vívido, atuante,    e  as pessoas sensíveis  que me rodeiam.
  Belo jardim, repleto de flores! Enfeitam minha casa, enfeitam minha vida! Que bom viver intensamente esse tempo!

Nenhum comentário: